Grande Prêmio Bento Magalhães: a 48ª edição da prova mais tradicional do turfe nordestino

terça-feira, 06/12/2016 | Autor: Fabio Camara

Matéria: Fábio Câmara

Foto: Fernando Carvalho – Star Color

Sixteen Tons, com Nelito Cunha “up”, é o favorito do 48º Grande Prêmio Bento Magalhães

 

O Jockey Club de Pernambuco promove no domingo, 11 de dezembro de 2016, a 48ª edição do Grande Prêmio Bento Magalhães, a maior prova do turfe nordestino, mais uma vez em “simulcasting” com o Jockey Club Brasileiro desde o 1º Páreo, em parceria com a PMU Brasil.

 

Corridas que consagraram grandes animais no passado e disputas de tirar o fôlego, como: o empate entre Anderson e Adônis, 1977; o bicampeonato de Shot Lancer na década de 80; os embates entre Jado (BA) e Toko (PE); a vitória de Lord para cima de Perdomo; o triunfo de Fury, numa disputa que ficou marcada pelo acidente envolvendo Manaus e Rosman; a atropelada de Morgan Way; a surpresa de Leggio; o bicampeonato de Hi Society; o recorde de Nível; a vitória improvável de Energia Groom em 2015.

 

Enfim, promessa de muitas emoções nas nove provas muito equilibradas e de excelente nível técnico, em mais uma tarde de domingo para ficar na história. Foram inscritos 66 animais, com as carreiras tendo início às 13:00 e término programado para as 17:00, horário do Recife.

 

Venha e traga a sua família para vivenciar as sensações que só o turfe é capaz de proporcionar, pois Domingo é Dia de Jockey e o Turfe é a sua Melhor Diversão!

 

A seguir, os prognósticos completos de todos os páreos.

 

Boa sorte!

 

Temporada 2016/2017

Programação da 10ª Corrida

48º Grande Prêmio Bento Magalhães

Domingo, 11 de dezembro de 2016

 

1º Páreo (55) – 13:00 Hs. (Recife) – 1.300 Metros – Record:80.1s (15/ap) Galanteador(ARG)

Prêmio Leandro Mancuso

1 – CHILLY WILLY                            55          1             493        H.Melo

2 – AMENA                                       52          2             395        A.Paiva

3 – RAINHA DA FLORESTA             53          3             493        F.H.Costa

4 – FORTE DO BRUM                      54          4             425        M.Ribeiro

5 – VAMOS NA PONTA                   54          5             479        A.Maciel

6 – MONIGA DI GARDA                  52          6             395        J.Lima-Ap2

Indicações: Chilly Willy – Vamos na Ponta – Moniga de Garda (1-5-6)

Chilly Willy reabilitou-se após fraca estreia e, na distância, é a força. Vamos na Ponta vai tentar emplacar uma “bandeira a bandeira”. Moniga di Garda vai atropelar para tentar chegar a tempo e formar a dupla.

 

2º Páreo (56) –  13:30 Hs. (Recife) – 1.300 Metros. – Record:93.7s (14/ap) Camp Nou

Prêmio Karol Loureiro

1 – MAQUIAVELICO         56          1             484        M.Oliveira

2 – NOIVO CHARMOSO   59          2             459        A.Maciel

3 – ATAQUE FATAL           56          3             EST        N.Cunha

4 – ADDICT                         51          4             472        B.Souza-Ap3

5 – BIGREDBOY                 50          5             558        J.Lima-Ap2

6 – IFIGÊNIO                      51          6             500

7 – GIAN CARLO                55          7             470        J.Julio

8 – ENQUADRADO           53          8             467        F.H.Costa

Indicações: Addict – Ataque Fatal – Gian Carlo – Enquadrado (4-3-7-8)

A parelha do Stud Parente Sobral é a força: Addict, que vai muito leve, vem de perder no photochart para Sirigaita, enquanto que o estreante Ataque Fatal, animal clássico no Cristal, de três vitórias, filho de Watchmon (USA) em égua Nedawi (GB) parece ser o maior rival. Gian Carlo, que enfrentou contratempos na semana da estreia, e Enquadrado, a seguir.

 

3º Páreo (57) – 14:00 Hs. (Recife) – 1.100 Metros. – Record:65.7s (15/ap) Brilliant King

Prêmio Marcos Rizzon

1 – SENSATO                      59          1             EST        A.Queiroz

2 – FAHIR                            54          2             434        W.Xavier-Ap4

3 – XUXU BOY                   56          3             489        F.H.Costa

4 – JEUNE FEMME            52          4             423        J.Lima-Ap2

5 – NOBRE OSCAR            59          5             460        F.Davidson

6 – EMIRATES CLASS        54          6             435        A.Maciel

7 – GAROTA LEVADA        54          7             477        B.Souza-Ap3

8 – CULT                             59          8             480        M.Silva

Indicações: Garota Levada – Xuxu Boy – Cult – Jeune Femme (7-3-8-4)

Garota Levada, pelo que correu na estreia, é força destacada e ainda vai muito leve. Xuxu Boy foi surpreendido na última, mas pode reabilitar-se. Cult venceu páreo mais fraco. Jeune Femme, franca favorita na estreia, parou de estalo. O estreante Sensato chegou na semana da corrida, mas sabe muito mais do que estava apresentando na Gávea/RJ.

 

4º Páreo (58) – 14:30 Hs. (Recife) – 1.500 Metros – Record:65.7s (15/ap) Brilliant King

Prêmio Marcelo Beloch

1 – NATURE VALLEY         59          1             411        M.Silva

2 – CIGLIANO                    53          2             495        M.Platini

3 – DOM BOLÃO 53          3             513        J.Lima-Ap2

4 – YSATIS                          56          4             432        J.Julio

5 – ON CONTROL             56          5             474        N.Cunha

6 – CREPÚSCULO              53          6             EST        F.H.Costa

7 – SALUD Y PLATA           51          7             467        M.Ribeiro

Indicações: Dom Bolão – Ysatis – Salud Y Plata (3-4-7)

Dom Bolão, voltando para a turma e indo muito leve, é a força, apesar do aumento da distância. Ysatis vinha enfrentando páreos fortes e aqui é rival. Salud Y Plata sempre por perto.

 

5º Páreo (59) – 15:00 Hs. (Recife) – 1.500 Metros – Record:93.7s (14/ap) Camp Nou

Prêmio Cláudio Santa Cruz

1 – PORTO CERVO            55          1             452        H.Melo

2 – SIRIGAITA                    49          2             495        J.Lima-Ap2

3 – JOB FIGHTER               53          3             480        F.H.Costa

4 – SMURF                         55          4             460        W.Gomes

5 – BONDE DO TIGRÃO   51          5             540        M.Ribeiro

6 – KAMAL                          54          6             523        A.Queiroz

7 – ENERGIA GROOM      55          7             524        F.Sales

8 – FLUENTE                      52          8             476        F.Davidson

9 – LOCAL LOVER             54          9             470        A.Maciel

Indicações: Smurf – Kamal – Energia Groom – Job Fighter (4-6-7-3)

Páreo equilibrado, em que vários animais reúnem chances de vitória. Smurf desce dos clássicos para a turma e é a força. Kamal correu muito na estreia e depois deu um vareio na segunda, sendo o maior rival. Energia Groom, vencedor do Bentão 2015, é outro que vem dos clássicos e pode pregar uma peça nos mais visados, na redução da distância. Job Fighter a seguir.

 

6º Páreo (60) – 15:30 Hs. (Recife) – 1.700 Metros – Record: 107.6s (06/am) Noon Sun

GRANDE PRÊMIO PEDRO ALLAIN TEIXIERA

1 – BALLON BLEU             56          1             498        N.Cunha

2 – HOTEL DORCHESTER 56          2             483        M.Oliveira

3 – GREAT GATSBY           56          3             470        A.Maciel

4 – PROMOTION               56          4             478        H.Melo

5 – FERNANDO                  56          5             488        A.Queiroz

Indicações: Hotel Dorchester – Great Gatsby – Fernando (2-3-5)

Páreo vazio, porém muito equilibrado, essa milha do Bentão 2016. Hotel Dorchester vem de vitória em 1.500 metros nesta turma. É a indicação mais conservadora. Great Gatsby fez excelente estreia, formando a dupla para o favorito. Apesar do aumento da distância, pode ir à forra. Fernando vinha enfrentado a primeira turma local. Agora, em distância de seu agrado, é o mais severo rival. Promotion e Ballon Bleu, dupla que prevaleceu na milha do Grande Prêmio Edísio Pereira em julho, ajudam a embolar o páreo. Tudo pode acontecer aqui.

 

7º Páreo (61) – 16:00 Hs. (Recife) – 1.000 Metros – Record:59.3s  (15/am) Brilliant King

GRANDE PRÊMIO ROMEU MEDEIROS

1 – MARCA QUENTE                       56          1             500        A.Queiroz

2 – SULAMERICANO                       56          2             493        N.Cunha

3 – FIRST CHAMPION                      56          5             449        W.Gomes

4 – EL BACAN                                    56          3             EST        F.H.Costa

5 – ODORICO                                    56          4             502        J.Julio

6 – JOHN JAY                                    56          6             484        A.Maciel

7 – ANDROMEDA LOVER 56          7             473        H.Melo

8 – QUE ESPETÁCULO                    56          8             488        M.Silva

Indicações: Andromeda Lover – Sulamericano – Marca Quente – Odorico (7-2-1-5)

Páreo de excelente nível técnico, o velocidade do Bento 2016. Andromeda Lover venceu prova similar no Grande Prêmio Manoel Medeiros em novembro, com excelente aceleração final. Vai à repetição. Sulamericano, apesar da redução da distância, acreditamos que agora sendo melhor conhecido por Nelito Cunha, pode ter percurso mais feliz e devolver a derrota. Marca Quente não foi nem sombra do excelente animal da Gávea/RJ na estreia, porém há notícias de que melhorou consideravelmente em privados, podendo ser a surpresa. Odorico é muito veloz e chegou a dar impressão no mesmo páreo na estreia. Para os caçadores de pules altas.

 

8º Páreo (62) – 16:30 Hs. (Recife) – 2.000 Metros – Record:128.5s (15/ap) Armani

CLÁSSICO JOSÉ MARIA SAMPAIO

1 – ORECHINO                                  56          1             435        A.Paiva

2 – NICANOR                                    56          2             478        F.H.Costa

3 – BELLAMY                                     56          3             500        M.Ribeiro

4 – LAMPIÃO DO CERRADO          56          4             477        N.Cunha

5 – HAGEN DAAS                              54          5             448        A.M.Silva

6 – NEUCHATEL                               56          6             444        J.Julio

7 – SEMPRE BEM                             54          7             415        A.Queiroz

8 – SO YES                                         56          8             467        M.Silva

9 – IMPRUDENTE MARSH              56          9             520        M.Oliveira

10 – BLUE CELLERIX                        56          10          517        A.Maciel

Indicações: Blue Cellerix – Nicanor – Lampião do Cerrado – Sempre Bem (10-2-4-7)

Páreo à altura do homenageado: José Maria Sampaio Veras, um dos maiores turfistas nordestinos de todos os tempos e um ícone da história recente do turfe alencarino. Blue Cellerix formou a dupla para Homo Sapiens, após seguidas vitórias. Vai para o aumento de distância com chance avultada. Nicanor correu o Grande Prêmio Manoel Medeiros com relativo sucesso. Aqui é uma das forças. Lampião do Cerrado só faz melhorar nos matinais e terá uma prova de fogo aqui. Sempre Bem deu um vareio na última e pode dar-se bem no aumento da distância. So Yes estreou bem e, após a devida aclimatação, tem tudo para melhorar. Imprudente Marsh, após uma estreia desastrosa, deu um vareio, vencendo com pule alta. Pode ser a surpresa.

 

9º Páreo (63) – 17:00 Hs. (Recife) – 2.400 Metros – Record :157.8s (14/al) Montardon

48º GRANDE PRÊMIO BENTO MAGALHÃES

1 – CAPANEGRA                56          1             498        J.Julio

2 – SIXTEEN TONS            56          2             475        N.Cunha

3 – HOMO SAPIENS          56          3             460        A.Maciel

4 – CARTOLA                     56          4             516        A.Queiroz

5 – SUPER FRATELLO       56          5             500        M.Oliveira

Indicações: Sixteen Tons – Cartola – Super Fratello (2-4-5)

A maior prova do turfe nordestino, desta feita, esvaziada, porém com animais de excelente nível técnico, chega à sua 48ª edição: Sixteen Tons venceu o Grande Prêmio Manoel Medeiros em novembro, na distância de 2.000 metros, superando Cartola nas imediações do disco. Os dois voltam a se enfrentar, tendo mais 400 metros pela frente. Tudo pode acontecer. Super Fratello, que chegou algo afastado, deu um vareio nessa distância no Grande Prêmio Edísio Pereira em julho, sendo o único que tem vitória em tal percurso, podendo ser a surpresa. Homo Sapiens venceu aos esbarros prova comum, assinalando ótima marca cronométrica, quando estreou na Madalena após fracasso no festival do Grande Prêmio Paraná e vitória em Grande Prêmio de Ponta Grossa. É ganhador de Grande Prêmio Piratininga (Grupo 3) em Cidade Jardim/SP, portanto tem categoria para prevalecer aqui. Capanegra fracassou na estreia e depois venceu muito bem. Fica para os caçadores de pules altas.

 

Dicas do Dr. Marcação:

A Barbada do Programa: 1ºP: Chilly Willy (1)

A Melhor Dupla: 3ºP: Garota Levada – Xuxu Boy (7-3)

As Melhores Alternativas: 1ºP: Vamos na Ponta (5); 2ºP: Ataque Fatal (3); 3ºP: Jeune Femme (4); 4ºP: Salud Y Plata (7); 5ºP: Energia Groom (4); 6ºP: Fernando (5); 7ºP: Sulamericano (2); 8ºP: Sempre Bem (7); 9ºP: Cartola (4)

A Acumulada Combinada: 1ºP: Chilly Willy (4); 3ºP: Garota Levada (7); 4ºP: Dom Bolão (3)