Vele apena rever a primeira edição da Prova Especial Adonias de Moura.

terça-feira, 11/05/2021 | Autor: admin-jockey

Por Chico Mendonça.

No dia 19 de novembro de 1995, o turfe pernambucana teve uma tarde inusitada. O homenageado era pouco conhecido do público, mas ele ajudou muito o Jockey de Pernambuco com o falecimento do Jornalista Cláudio Santa Cruz. Adonis de Moura, colunista do Diário de Pernambuco, e Editor Chefe do caderno esportivo do jornal mais antigo em circulação da América Latina, disse. Não vamos deixar o turfe na mão, vamos continuar a divulgar as corridas. Adonias de Moura assinava a coluna Dentro e Fora das Quatro Linhas, e sempre arrumava uma brecha para uma ou duas notas de turfe por semana principalmente quando se aproximava a realização do Grande Prêmio Bento Magalhães.

O Diário de Pernambuco mantinha a coluna A B C do Turfe, assinada por Claudio Santa Cruz, e dedicava uma página inteira no domingo, e na segunda feira mais uma página com os resultados das corridas com fotos de todas as chegadas, foto da vitória e o desenrolar dos páreos. Bons tempos.

Um fato marcante de Adonias de Moura, em prol do JCPE, aconteceu justamente no ano de 1995, na gestão do Presidente Ricardo Godoy.  Sem revelar a fonte, ele nos procurou e nos avisou que o Jockey iria ser leiloado e pouca gente sabia desse episódio. O Presidente foi avisado, confirmou e através do Departamento Jurídico do JCPR, conseguindo reverter a situação em favor do Jockey. O leilão seria numa sexta-feira as 14h00min.

Já aposentado do Diário de Pernambucano, não esquecemos do nosso grande jornalista e decidimos lhe prestar uma singela homenagem, mas uma homenagem diferente. Convidamos alguns jornalistas e apresentadores de TV, para participar diretamente da homenagem realizando um páreo de amadores. Os animais foram gentilmente cedidos pelo Cel. Weldon Nogueira, que era um dos diretores da Escola de Equitação do Caxangá Golf Clube.

Participaram do páreo os jornalistas. Cesar Rosat, TV Pernambuco, Raudney Santos, TV Jornal, Beto Calmon TV Tribuna, e Luiz Munis (Mala) da R.W.M -TV Manchete. O páreo foi disputado na distância de 300 metros, e foi vencido por Jeliot, montado pelo apresentador da TV Jornal. Gyps, com Beto Calmon formou a dupla. O jóquei Hugo Esteves, montando San Lourran, ficou no box.

Foi realmente uma tarde diferente e muito movimentada no Jockey Club de Pernambuco que contou com a presença do homenageado. A Prova Especial Adonias de Moura ainda foi disputada em três edições. Os vencedores foram. Raudney Santos, Bi campeão, venceu a prova no ano seguinte com a égua Colombina. Ivan Moraes, com o animal Pingo, do Haras Bongy,  e Rodrigo Asfora, montando o cavalo Metrô, de propriedade de Waldemir Miranda Neto.

Na foto da vitória de Jeliot, Adonias de Moura fez a entrega do troféu para o vencedor Raudney Santos (TV Jornal)

Jornalistas que participaram da primeira edição da Prova Especial Adinias de Moura. Da esquerda para direita. Luiz Muniz (Mala) (R.W.M. TV Manchete). Beto Calmon (TV Tribuna.) Cesar Rosat (TV Pernambuco), Hugo Esteves (TV Globo) Raudney Santos (TV Jornal).

A festa dos participantes e do publico na foto da vitória com os vencedores.

Vídeo da corrida.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *